quinta-feira, 18 de setembro de 2014

The Way We Live - A Candle For Judith [Bonus Tracks]

Cover 1
Banda: The Way We Live
Disco: A Candle For Judith [Bonus Tracks]
Ano: 2009(*)
Gênero: Folk Rock, Hard Rock, Progressive Rock
Faixas:
1. King Dick II (3:15)
2. Squares (4:41)
3. Siderial (3:51)
4. Angle (1:24)
5. Storm (5:25)
6. Willow (6:28)
7. Madrigal (2:02)
8. The Way Ahead (8:49)
9. Watching White Stars [recorded around 1970] [Bonus Track] (7:04)
10. Marie [different mix to Dandelion maxi single 1972] [Bonus Track] (3:57)
11. Stoney Glory [2003 version] [Bonus Track] (2:09)
12. Let Earth Be The Name [recorded late sixties Dandelion Studios] [Bonus Track] (2:11)
13. Stairway To The Stars [2003 version] [Bonus Track] (5:09)
14. Most Had Man [Bonus Track] (2:37)
15. Northern City [single B-side, 1977] [Bonus Track]
16. The Big Dinner [Bonus Track] (1:53)
17. Watching White Stars [Reprise] [Bonus Track] (2:22)
18. One Eyed Mule [abridged, 2003 version] [Bonus Track] (1:35)
19. Easier To Say [2003 version] [Bonus Track] (5:49)
Músicas de autoria de Jim Milne e Steve Clayton.        
Créditos:
Jim Milne: Lead Guitar, Rhythm Guitar, Bass Guitar, Piano, Organ, Vocals, Acoustic Guitar (faixas 11, 13, 14, 17)
Steve Clayton: Drums, Percussion, Bass Guitar, Piano, Organ, Harmonium (faixa 9), Maracas (faixa 11), Tambourine (faixa 11), Bongoes (faixa 16)
Dave Addison: Bass Guitar (faixa 15), Voice (faixa 16)
John Brierley: Voice (faixa 16)
Dave Goldberg: Keyboards (faixa 19)
Nick Turner: Sax (faixa 19), Flute (faixa 19)
(*) LP lançado originalmente em 1971.
https://mega.co.nz/#!x4xRyaiK!nFhN6SbnjJsJC4sDGzuxpz29DvOm3FYNjaLVQJxIJAY
 
Biografia:
Esse duo veio de Rochdale (nota minha: em Manchester, Inglaterra). Clayton era um pintor nas horas vagas e poeta, e Milne, um instrutor de Educação Física e talentoso multi-instrumentista.
O disco amalgamou, com requinte, folk, hard rock e psicodelia, e tornou-se o mais procurado e o mais caro do catálogo do selo Dandelion. Os destaques ficam por conta de "Siderial", com toques orientais, e a semi-épica "The Way Ahead". Há também um saudável contraste musical entre o rock pauleira "Willow", com seus ótimos vocais e guitarras, e o estilo suave e acústico de "Angle".
Audição recomendada. A banda, posteriormente, chamou-se Tractor (Vernon Joynson, in The Tapestry of Delights - The Comprehensive Guide to British Music of the Beat, R&B, Psychedelic and Progressive Eras 1963-1976. Borderline Productions, Telford, 2006, p. 1590; tradução livre do inglês).

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Three Dog Night - The Complete Hit Singles

Cover
Banda: Three Dog Night
Disco: The Complete Hit Singles
Ano: 2004
Gênero: Soft Rock, Classic Rock
Músicas:
1. One (Nilsson) 3:03
2. Try A Little Tenderness (Campbell, Connelly, Woods) 4:24
3. Easy To Be Hard (MacDermot, Rado, Ragni) 3:13
4. Eli's Coming (Nyro) 2:46
5. Celebrate (Bonner, Gordon) 3:01
6. Mama Told Me (Not To Come) (Newman) 3:19
7. Out In The Country (Nichols, Williams) 3:08
8. One Man Band (Fox, Kaye, Tyme) 2:52
9. Joy To The World (Axton) 3:15
10. Liar (Ballard) 3:18
11. An Old Fashioned Love Song (Williams) 3:46
12. Never Been To Spain (Axton) 3:44
13. The Family Of Man (Conrad, Williams) 3:25
14. Black And White (Arkin, Robinson) 3:24
15. Pieces Of April (Loggins) 4:12
16. Shambala (Moore) 3:25
17. Let Me Serenade You (Finley) 3:15
18. The Show Must Go On (Courtney, Sayer) 3:44
19. Sure As I'm Sittin' Here (Hiatt) 4:47
20. Play Something Sweet (Brickyard Blues) (Toussaint) 4:49
21. 'Til The World Ends (Loggins) 3:31
Créditos:
Danny Hutton: Vocals
Cory Wells: Vocals
Chuck Negron: Vocals
Michael Allsup: Guitar
Jimmy Greenspoon: Keyboards
Skip Konte: Keyboards
Gordon De Witty: Organ
Jack Ryland: Bass
Joe Schermie: Bass
Floyd Sneed: Drums, Percussion
James Pankow: Trombone, Trumpet
Walter Parazaider: Saxophone
Lee Loughnane: Trumpet
Mickey McMeel: Percussion
Ron Stockert: Fender Rhodes
Patrick Sullivan: Cello
Rusty Young: Pedal Steel
https://mega.co.nz/#!x4xRyaiK!nFhN6SbnjJsJC4sDGzuxpz29DvOm3FYNjaLVQJxIJAY

Biografia:
A Three Dog Night emplacou uma sequência de 21 singles de sucesso, incluindo 11 Top Tens, e 12 consecutivos discos de ouro, entre 1969 e 1975, graças às agradáveis, às vezes emotivas, harmonias vocais dos cantores Danny Hutton, Chuck Negron e Cory Wells e um excelente faro para garimpar material de qualidade. Embora muitas vezes rotulada como comercial, a banda ficou conhecida por seus criativos arranjos e interpretações, e seus covers, escolhidos a dedo, garantiram exposição (e royalties) para vários compositores talentosos: Nilsson ("One"), Laura Nyro ("Eli Coming"), Randy Newman ("Mama Told Me [Not to Come]"), Hoyt Axton ("Joy To The World"), Russ Ballard, da Argent ("Liar"), e Leo Sayer ("The Show Must Go On").
6Wells e Hutton conheceram-se nos anos 60: o primeiro era o vocalista da Enemies e o segundo trabalhava na Hanna Barbera Records, para a qual gravou vários singles, na condição de produtor. Em 1967, Hutton concebeu um grupo de três vocalistas, cuja formação se completou com a adesão do amigo comum, Negron. O nome da banda veio de uma expressão australiana, que descreve as baixas temperaturas noturnas no interior (quanto mais fria a noite, mais cães são necessários para manter-se aquecido durante o sono [nota minha: no original, "the colder the night, the more dogs needed to keep warm while sleeping"]). Os três gravaram alguns inexitosos singles e decidiram então expandir o seu time com a contratação de músicos de apoio, dentre os quais o guitarrista Mike Allsup, o tecladista Jimmy Greenspoon, o baixista Joe Schermie e o baterista Floyd Sneed. "One" tornou-se o primeiro Top Ten da banda em 1969, e "Mama Told Me (Not to Come)" chegou ao 1º lugar das paradas um ano depois.
8"Joy To The World" converteu-se no maior sucesso do grupo em 1971, frequentando o topo das paradas pop por 6 semanas. A série de êxitos teve continuidade com o último 1º lugar da banda, "Black And Whit", de 1972 (um hit reggae britânico lançado pela Greyhound), e o seu derradeiro Top Ten, "The Show Must Go On", de 1974. Em 1976, surgiram dissidências internas no grupo, e a Three Dog Night dissolveu-se oficialmente um ano depois. Houve uma reunião no início dos anos 80, e Hutton e Wells decidiram introduzir a Three Dog Night no circuito de turnês internacionais. Em 2002, um disco com a Sinfônica de Londres foi lançado, e, em seguida, em 2004, para comemorar o 35º aniversário da banda, surgiu o álbum "The 35th Anniversary Hits Collection" (Steve Huey, AllMusic; tradução livre do inglês).

domingo, 14 de setembro de 2014

The Legend - The Legend [Bonus Tracks]

4
Banda: The Legend
Disco: The Legend [Bonus Tracks]
Ano: 2012(*)
Gênero: Psychedelic Rock
Faixas:
1. With A Girl Like You (R. Presley) 2:21
2. The Sky That Is Blue (B. Corso) 3:03
3. Zeppelin's Good Friday (E. Brooks, S. Romans) 2:48
4. Where On Where Is Mother? (B. Corso) 3:08
5. Yesterdays Child (B. Corso) 2:36
6. Eyes Of The World (D. Mcginnis) 2:30
7. The Kids Are Alright (P. Townshend) 2:58
8. Cold Wind In August (B. Page) 2:34
9. Sunny Day (E. Brooks, S. Romans) 2:13
10.You'll Be Sorry Someday (B. Corso) 2:13
11.Gigi (Lerner, Loewe) 2:20
12.Baby Blue (B. Dylan) 6:10
13.Portrait Of Youth [Bonus Track] (G. Jimerfield) 2:44
 
14.Enjoy Yourself [Bonus Track] (R. Russ, B. Davis) 2:51
15.I Love The Little Girls [Bonus Track] [Performed by Mike Kelly & The Legend] (M. Kelly, G. Jimmerfield, Radcliff) 2:15
16.I Know [Bonus Track] [Performed by Mike Kelly] (B. George) 2:11
Créditos(**):
Jack Duncan: Bass
Barry Davis: Drums, Backing Vocals
Gerry Jimerfield: Guitar, Lead Vocals
Randy Russ: Guitar, Backing Vocals
Ernie McElwaine: Keyboards
(**) O baixista da banda, Jack Duncan, afirma que vários músicos de estúdio tocaram no disco, entre eles Carol Kay e Hal Blaine.
(*) LP lançado originalmente em 1969.
https://mega.co.nz/#!x4xRyaiK!nFhN6SbnjJsJC4sDGzuxpz29DvOm3FYNjaLVQJxIJAY

Biografia:
4A biografia da banda - posteriormente chamada Dragonfly - já foi postada aqui, juntamente com o disco "Dragonfly", de 1968.

sábado, 13 de setembro de 2014

Dragonfly - Dragonfly

Cover 1
Banda: Dragonfly
Disco: Dragonfly
Ano: 1968(*)
Gênero: Psychedelic Rock
Músicas:
1. Blue Monday (J. Duncan, B. Davis) 3:16
2. Enjoy Yourself (R. Russ, B. Davis) 3:19
3. Hootchie Kootchie Man (W. Dixon) 4:42
4. I Feel It (J. Duncan, B. Ray) 4:37
5. Trombodo (R. Russell) 0:32
6. Portrait of Youth (G. Jimerfield) 2:47
7. Crazy Woman (J. Duncan, R. Russ) 2:34
8. She Don't Care (G. Jimerfield) 2:50
9. Time Has Slipped Away (J. Duncan) 2:40
10. To Be Free (J. Duncan) 3:17
11. Darlin' (G. Jimerfield) 0:38
12. Miles Away (J. Duncan) 4:48
Créditos:
Jack Duncan: Bass
Barry Davis: Drums, Background Vocals
Gerry Jimerfield: Guitar, Lead Vocals
Randy Russ: Guitar, Background Vocals
https://mega.co.nz/#!x4xRyaiK!nFhN6SbnjJsJC4sDGzuxpz29DvOm3FYNjaLVQJxIJAY

Biografia:
A biografia da banda, que segue, em tradução livre do inglês, foi retirada da sua página no MySpace.
Dragonfly era realmente só um pseudônimo de uma banda chamada Legend. O grupo nunca se apresentou com o nome de Dragonfly, e o LP "Dragonfly" era apenas o título do disco e não da banda. Os seus membros incluíam Jack Duncan (baixo), Barry Davis (bateria, vocais de apoio), Gerry Jimerfield (guitarra, vocal principal), Randy Russ (guitarra, vocais de apoio) e Ernie McElwaine (teclados). A origem da banda localiza-se em El Paso, Texas, onde, em 1965, Duncan e Davis se encontraram e se tornaram amigos rapidamente enquanto tocavam num grupo chamado Pawns. Tomando conhecimento que a Pawns faria um show em Farmington, New Mexico, os coloradoans (nota minha: a palavra é intraduzível; alcunha as pessoas nascidas no Estado de Colorado) Jimerfield e McElwaine viajaram até lá para vê-la e ficaram bem impressionados. Com 26 anos, Jimerfield era um pouco mais experiente e já tocava no circuito de Los Angeles, tendo aparecido no show "Hullabaloo" e montado sua própria banda, Lords Of London, no Colorado. Citando suas conexões em L.A., Jimerfield logo convenceu Duncan e Davis a deixarem a Pawns e se mudarem para Durango, no Colorado, onde eles podiam ficar no motel dos pais de Jimerfield e formarem uma nova banda. O novo grupo ensaiou ali por alguns meses e logo decidiu que precisava adicionar um segundo guitarrista. Duncan e Davis sugeriram Russ, que eles conheciam de El Paso. A banda então foi completada quando Russ concordou em ir para Durango e juntar-se ao grupo. No início de 1967, a banda, agora chamada Lords Of London, mudou-se para Denver, onde tocou em muitos bares e abriu frequentemente os shows no teatro Chet Helms' Family Dog.
3Impacientando-se no Colorado, o grupo deslocou-se até Los Angeles por um breve período, ocasião em que trocou seu nome para Jimerfield Legend, mas logo voltaram para o bom e velho Colorado, a tempo para o Summer Of Love de 1967. Em 1968, a banda retornou a Los Angeles; encurtou seu nome para Legend e assinou com o selo local Megaphone, lançando três compactos e um LP homônimo. O álbum continha principalmente covers pré-psicodélicos, e, de acordo com Duncan, os instrumentos foram tocados, na sua maior parte, por músicos de estúdio, não integrantes da banda. Todavia, o segundo compacto lançado pela Legend continha duas excelentes músicas originais, não incluídas no LP ("Portrait Of Youth" e "Enjoy Yourself"), depois substancialmente refeitas e inseridas novamente no LP "Dragonfly". Infelizmente, todos os registros se perderam num apartamento colocado à venda, e a banda voltou novamente para o Colorado, onde os seus shows continuaram a ser bem recebidos. Nesse meio tempo, McElwaine deixou o grupo e não foi substituído. Em 1969, os mesmos executivos que detinham os direitos das gravações da banda viram-na tocando em seu velho antro, o Denver Family Dog, e ficaram pasmos diante da sua originalidade e musicalidade. Mas, desta vez, os executivos prometeram deixar a banda à vontade para produzir um LP com o material original. O grupo, então, arrumou as malas e viajou até Los Angeles, para gravar o LP "Dragonfly", no Amigo e I.D. Studios, em North Hollywood. O disco é absolutamente surpreendente e inclui vários sons originais psicodélicos, a maioria tocados em dois canais. Na época do seu lançamento, o disco chegou a figurar em algumas paradas de sucesso nas rádios de L.A., mas, lamentavelmente, não vendeu bem, e o grupo se separou logo em seguida. Jimerfield já faleceu, mas Duncan, Davis e Russ estão ativos até hoje.

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Fuzzy Duck - Fuzzy Duck [Bonus Tracks]

Cover
Banda: Fuzzy Duck
Disco: Fuzzy Duck [Bonus Tracks]
Ano: 1993(*)
Gênero: Hard Rock, Progressive Rock
Faixas:
1. Time Will Be Your Doctor (Francis, Grahame, Brown) 5:10
2. Mrs. Prout (Francis, Sharland) 6:47
3. Just Look Around You (Hawksworth) 4:22
4. Afternoon Out (Francis, Sharland) 4:56
5. More Than I Am (Hawksworth) 5:32
6. Country Boy (Francis, Sharland, Grahame, White) 6:03
7. In Our Time (Hawksworth) 6:38
8. A Word From Big D (White, Hawksworth) 1:38
9. Double Time Woman [Single A-Side, 1971] [Bonus Track] (Watt-Roy) 2:58
 
10. Big Brass Band [Single A-Side, 1971] [Bonus Track] (Martin, Meskell) 2:56
11. One More Hour [Single B-Side, 1971] [Bonus Track] (Watt-Roy, Hawksworth, Francis, Sharland) 3:57
12. No Name Face [Unreleased] [Bonus Track] (Watt-Roy, Hawksworth, Francis, Sharland) 3:03
Créditos:
Mick "Doc" Hawksworth: Bass, Vocals, 12-String Acoustic Guitar, Electric Cello ("In Our Time")
Roy "Daze" Sharland: Organ, Vocals ("A Word From Big D"), Electric Piano ("Just Look Around You")
Paul Francis: Drums, Percussion
Grahame White: Electric Guitar, Vocals, Acoustic Guitar ("Mrs. Prout")
Garth Watt-Roy: Electric Guitar (faixas 9-12), Vocals (faixas 9-12)
https://mega.co.nz/#!x4xRyaiK!nFhN6SbnjJsJC4sDGzuxpz29DvOm3FYNjaLVQJxIJAY

Biografia:
O lineup da banda tinha Mick Hawksworth, que tocara anteriormente nos grupos Andromeda e Five Day Week Straw People.
Seu organista, Roy Sharland, já havia trabalhado com Spice e Arthur Brown. As cópias originais do disco são caras. Apenas 500 exemplares foram originalmente prensados e vinham com um poster encartado. A capa estampa um pato com cabelo black power. Musicalmente, o gênero é progressivo pesado. O disco contém algumas passagens instrumentais muito boas, com predominância do órgão, e merece audição.
5O relançamento em CD, pela Repertoire, vem com quatro faixas extras: o lado A do primeiro compacto, os dois lados do segundo e "No Name Face", uma canção até então inédita.
Garth Watt-Roy também integrou a Greatest Show On Earth (Vernon Joynson, in The Tapestry of Delights - The Comprehensive Guide to British Music of the Beat, R&B, Psychedelic and Progressive Eras 1963-1976. Borderline Productions, Telford, 2006, p. 549).

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Peanut Butter Conspiracy - Is Spreading/The Great Conspiracy [Bonus Tracks]

Cover
Banda: Peanut Butter Conspiracy
Discos: Is Spreading/The Great Conspiracy [Bonus Tracks]
Ano: 1999(*)
Gênero: Psychedelic Rock, Garage Rock
Faixass:
1. It's A Happening Thing (Brackett) 2:26
2. Then Came Love (Merrill) 3:44
3. Twice Is Life (Merrill) 2:50
4. Second Hand Man (Dalton) 3:26
5. You Can't Be Found (Brackett) 2:47
6. Why Did I Get So High (Brackett) 2:10
7. Dark On You Now (Merrill) 2:21
8. The Market Place (Fent) 4:04
9. You Should Know (Merrill) 2:12
10. The Most Up Till Now (Brackett) 2:36
11. You Took Too Much (Merrill) 2:09
12. Turn On A Friend (To The Good Life) (Brackett) 2:21
13. Lonely Leaf (Merrill) 3:53
14. Pleasure (Merrill) 3:26
15. Too Many Do (Brackett) 6:34
 
16. Living, Loving Life (Brackett) 3:20
17. Invasion Of The Poppy People (Merrill) 0:40
18. Captain Sandwhich (Merrill) 2:10
19. Living Dream (Brackett) 4:20
20. Ecstasy (Merrill) 6:19
21. Time Is After You (Brackett) 3:04
22. Wonderment (Merrill) 4:12
23. I'm A Fool [Single A-Side, 1968] [Bonus Track] (Merrill) 2:36
24. It's So Hard [Single B-Side] [Bonus Track] (Brackett) 2:33
25. Peter Pan [Unreleased] [Bonus Track] (Brackett) 3:18
Créditos:
Lance Fent: Lead Guitar (faixas 1-11, 21)
Bill Wolff: Lead Guitar (faixas 13, 14, 16-20)
Mikhael Kollander: Lead Guitar (faixas 12, 13, 15, 22)
John Merrill: Rhythm Guitar
Al Brackett: Bass
Jim Voight: Drums
Sandi Robison: Vocals, Percussion
(*) LPs lançados originalmente em 1967 ("Is Spreading", faixas 1 a 11) e 1968 ("The Great Conspiracy", faixas 12 a 22).
https://mega.co.nz/#!x4xRyaiK!nFhN6SbnjJsJC4sDGzuxpz29DvOm3FYNjaLVQJxIJAY

Biografia:
A biografia da banda, que segue, em tradução livre do inglês, foi extraída do site Oldies, que, por sua vez, cita, como fonte primária do texto, a Encyclopedia Of Popular Music, de Colin Larkin (sob licença da editora Muze).
Originalmente denominado Ashes, esse quinteto de Los Angeles, California, EUA, passou a intitular-se Peanut Butter Conspiracy em 1966.
A banda, composta por Sandi Robinson (vocais), John Merrill (guitarra), Lance Fent (guitarra), Al Brackett (baixo) e Jim Voigt (bateria), fez seu debute com "Time Is After You", através da gravadora local Vault, antes de firmar um contrato melhor com a CBS Records no ano seguinte. O grupo então se uniu ao produtor Gary Usher, que esculpiu uma sonoridade harmoniosa, impregnada de Mamas And The Papas, Jefferson Airplane e Spanky And Our Gang. "The Peanut Butter Conspiracy Is Spreading" incluía "It's A Happening Thing", a sua canção-hino, por assim dizer, e a perturbadora "Then Came Love", mas o disco não alcançou boas vendas. Fent cedeu seu lugar para Bill Wolff no álbum "The Great Conspiracy", que enfatizou a habilidade instrumental da banda.
9Duas faixas do disco, "Turn On A Friend" e "Time Is After You", confirmaram o indubitável potencial do grupo, mas, mesmo assim, a gravadora descartou-o, após o fracasso do single "I'm A Fool/It's So Hard", contendo faixas não inseridas no álbum. Um remodelado lineup emergiu para completar "For Children Of All Ages", pelo selo Challenge, porém o disco decepcionou e, ato contínuo, a banda dispersou-se. Lance Fent trabalhou, posteriormente, com Randy Meisner. Já Ralph Schuckett (ex-Clear Light), membro da fase final do grupo, reapareceu na Jo Mama.

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Wet Willie - Wet Willie

Cover
Banda: Wet Willie
Disco: Wet Willie
Ano: 1971(*)
Gênero: Blues Rock, Southern Rock
Músicas:
1. Have A Good Time (Hirsch) 3:41
2. Dirty Leg (Anthony, Jack Hall) 3:41
3. Faded Love (Friedman) 4:31
4. Spinning Round (Friedman) 4:18
5. Low Rider (Hirsch) 3:01
6. Rock And Roll Band (Hirsch) 2:48
7. Pieces (Hirsch) 3:05
8. Shame, Shame, Shame (Reed) 3:22
9. Beggar Song (Friedman) 4:18
10. Fool On You (Friedman) 7:17
Créditos:
Jimmy Hall: Vocals, Harmonica, Tenor Saxophone, Percussion
Jack Hall: Bass, Backing Vocals
Ricky Hirsch: Lead Guitar, Backing Vocals
John Anthony: Piano, Electric Piano, Organ, Backing Vocals
Lewis Ross: Drums, Percussion
Donna Hall: Backing Vocals
(*) CD lançado em 1998.
https://mega.co.nz/#!x4xRyaiK!nFhN6SbnjJsJC4sDGzuxpz29DvOm3FYNjaLVQJxIJAY

Biografia:
A biografia da banda, que segue, em tradução livre do inglês, foi extraída do site Oldies, que, por sua vez, cita, como fonte primária do texto, a Encyclopedia Of Popular Music, de Colin Larkin (sob licença da editora Muze).
Uma estranha no ninho das bandas de southern boogie dos anos 70, a Wet Willie incorporava fortes doses de R&B em sua música. O grupo, batizado inicialmente como Fox, foi fundado em 1970, em Mobile, Alabama, EUA, por Jimmy Hall (vocais, saxofone, gaita de boca) e seu irmão Jack (baixo).
Os outros membros eram Ricky Hirsch (guitarra), John Anthony (teclados) e Lewis Ross (bateria). A Wet Willie assinou contrato com a Macon, gravadora de Phil Walden e subsidiária da Capricorn na Georgia, para a qual gravou sete discos antes de migrar para a Epic Records, em 1978. O segundo álbum continha a versão de Jimmy Hall para "Shout Bamalama", uma canção de Otis Redding, mas o primeiro sucesso veio através do disco ao vivo "Drippin' Wet", que teve a participação das cantoras Donna Hall e Ella Brown, que já haviam lançados discos solos pela Capricorn. Seguiu-se um hit Top 10 com a faixa título de "Keep On Smilin'", produzido pelo veterano Tom Dowd.
9O acréscimo do tecladista Michael Duke, em 1976, significou a entrada de outro vocalista para o grupo, que se mostrou vantajosa, como se pode auferir com a audição do hard rock "Teaser", do disco "The Wetter The Better".  Em 1978, Ross e Hirsch (que se agregaram à banda de Gregg Allman) foram substituídos pelos guitarristas Larry Bernwald e Marshall Smith (nascido em 27 de Junho de 1949 e falecido em 14 de outubro de 2005), além de Theophilus Lievely (bateria). Com produção de Gary Lyons, a Wet Willie colocou "Street Corner Serenade" e "Weekend" no Top 30 em 1978-9. A banda separou-se em 1980, e Jimmy Hall seguiu carreira solo, tendo também gravado com a Allman Brothers Band.